Sem Comentários

Os musicais londrinos são famosos, não só por reviver histórias que nos tocaram profundamente. Eles são um espetáculo completo:  seus atores cantam belissimamente e a orquestra é um show à parte. Sim, é tudo ao vivo! Não é de surpreender que eles superem até mesmo a magia do cinema…

Eu sou fã incondicional do gênero. Já assisti a “Les Misérables” e “Miss Saigon” na Broadway, a “The Phamton of the Opera”, “We Will Rock You”, “The Lion King” , “Mamma Mia” e “Thriller” em Londres e “Dirty Dancing” em Aberdeen.

Musicais na Holanda

Morando na Holanda, achava que os imaginava que os musicais  perderiam a graça em Holandês, uma língua na qual não sou tão fluente assim. Achava, também, que os musicais não teriam a mesma magia se não fossem cantados na língua original. Um belo dia, resolvi arriscar. Que bom: descobri que estava redondamente enganada!

Já assisti a quatro musicais em Holandês: “Billy Elliot”, “The Bodyguard”, “The Dream Girls” e “The Beauty and the Beast”. Honestamente? Chorei em todos eles… hehehe! Mas eu sou assim, mesmo: choro com música bem tocada e bem cantada. E como sou fascinada pelo gênero, junta a fome com a vontade de comer.

O que eu posso dizer é que, qualquer que seja o palco e o idioma, um programa como esse sempre será um sucesso. E olha que um dos últimos que assisti foi em Espanhol, quando em estive em Valência .

Se você vai assistir a um musical, uma boa preparação para o evento é resgatar a história a ser contada. Assim, não só você refresca a memória (se já conhece o enredo), como vai entrando no clima do espetáculo, o que o torna ainda mais fantástico.

Como garantir o seu ingresso?

Principalmente com relação a Londres, se você faz questão absoluta de um musical específico, deve comprar os ingressos com antecedência, evitando assim a frustração de o  espetáculo estar esgotado no período em que estiver na cidade.

Os dias, os horários e os das apresentações também são bem variados; então é bom checar tudo direitinho. Muitos deles, como “ O Fantasma da Ópera” ou “O Rei Leão”, estão há anos em cartaz, mas ainda assim, é bom não arriscar. Afinal, se conseguem se manter por tanto tempo, é porque há público que os garanta.

Eu gosto de comprar meus ingressos pelo Ticketmaster, pois o considero um site seguro e confiável. Se você comprar com antecedência (e pagar pelo serviço), os mesmos são enviados para a sua residência. Senão, você pode optar por receber um e-mail  confirmando a compra e retirá-los na bilheteria do teatro cerca de meia hora antes do início do espetáculo. Só não pode esquecer de levar um documento de identificação e o comprovante impresso.

Os preços costumam variar e muito. Não só pela localização do lugar escolhido com relação ao palco, mas também de musical  para musical. Mesmo os musicais mais baratos, às vezes podem sair bem salgados. Uma boa dica para driblar o valor, é comprar no dia do espetáculo.

Há vários pontos de venda espalhados pela cidade com preços reduzidos e é muito fácil encontrá-los. Normalmente, há pôsteres indicando onde adquiri-los. Você pode não conseguir se sentar ao lado de seu(sua) acompanhante, mas terá acesso ao mesmo show.

Extras para curtir bem o espetáculo

Uma dica importante: alimente-se antes de ir. Os espetáculos costumam durar cerca de duas horas, pelos menos. Há, normalmente, um intervalo, porém é curto para adquirir alguma coisa, as opções são bem limitadas (e muitas vezes, caras) e as filas são longas.

Os ingressos mais em conta são os que ficam longe do palco. Convém levar um binóculo. Não é exagero dizer que, à distância, é difícil visualizar as expressões faciais dos atores. Mas mesmo que você não disponha desse recurso, a magia do espetáculo estará garantida.

Nem preciso dizer que é preciso estar a postos no horário indicado. Convém chegar com uns 15 minutos de antecedência no mínimo. Mesmo com o lugar garantido, é bom chegar sem atropelos. Você conhece o termo “pontualidade britânica”, né?

E finalmente, é sentar e aproveitar cada segundo, cada nota, cada grave ou agudo… são duas horas de tirar o fôlego! E um desafio e tanto conter as lágrimas, para os mais aficionados, como eu. Leve um lencinho! 🙂

Categorias: Inglaterra

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

< ?php include_once("analyticstracking.php") ?>