13 Comentários

Finalmente, o tão esperado ônibus de turismo em sistema de hop-on hop-off foi inaugurado no Rio de Janeiro. A fórmula de sucesso, que já estava presente nas mais famosas cidades do mundo, agora está disponível também na Cidade Maravilhosa. Conheça as vantagens e atrações cobertas pelo itinerário.

Como funciona o sistema de hop-on hop-off?

No mundo inteiro, o sistema de hop-on hop-off funciona de maneira bem semelhante. A rota dos ônibus é turística.

O que significa que todos os pontos definidos no roteiro seguem o mesmo critério: facilitar a locomoção dos turistas. Principalmente, nas grandes cidades.

Algumas cidades, como Barcelona, por exemplo, chegam a ter duas rotas distintas, tamanha a quantidade de atrações e as distâncias entre elas.

Porém, independentemente da cidade que você visita, ao usar o sistema, você pagará por um periodo pré-definido, que pode ser de 24, 48 ou até 72 horas.

Durante o período de validade do bilhete, você poderá embarcar e desembarcar quantas vezes quiser.

Assim, você pode visitar os pontos turísticos de qualquer cidade do mundo sem a preocupação de se perder.

Além disso, você não corre riscos desnecessários perambulando por regiões que possam não ser tão amigáveis para os turistas.

Os locais sempre sabem quando, onde e como devem ir. O turista, muitas vezes, é presa fácil simplesmente porque não reconhece os potenciais perigos do destino visitado.

O ônibus hop-on hop-off no Rio de Janeiro

O sistema de hop-on hop-off no Rio de Janeiro é a concretização de um projeto antigo da empresa Rio Line, que já operava duas boas alternativas para os turistas.

A primeira, era um tour de dia inteiro, percorrendo os maiores atrativos da cidade e com paradas nos pontos mais emblemáticos.

Bondinho do Pão de Açúcar: um dos ícones do Rio de Janeiro

A segunda, era um city Tour de três horas que, em um curto período, mostrava aos visitantes as muitas possibilidades de turismo da Cidade Maravilhosa.

Enseada do Botafogo.

Posteriormente, o turista poderia voltar por conta própria e desfrutar, com calma, daqueles que escolhesse.

Entretanto, hoje ocorreu a inauguração de uma rota que apresenta, basicamente, uma fusão dos dois passeios.

Além disso, o novo arranjo possibilita a visitação dos pontos turísticos na sequência e no ritmo que for mais conveniente para cada um.

Eu, particularmente, estava super ansiosa pelo sistema, pois sempre achei que esta era uma opção que faltava  ao turismo local.

O itinerário do ônibus hop-on hop-off no Rio de Janeiro

O itinerário do ônibus hop-on hop-off da empresa Rio Line percorre grande parte da orla turística da Zona Sul da cidade.

O tour tem início na praia do Leblon e continua pelas praias de  Ipanema, Copacabana e Leme.

Avenida Atlântica e a praia de Copacabana

Assim, você pode embarcar em qualquer trecho da orla destas praias. Mesmo que nem esteja pensando no assunto. Viu o busão vermelho, é só fazer sinal.

Claro que alguns pontos da praia são mais fáceis pra você esperar pelo ônibus. Como é o caso dos Centros de Informação ao Turista.

Posto de Informações Turísticas quase em frente à empresa Rio Line – Copacabana.

Você pode também, embarcar ao longo do percurso. Como o trajeto é circular, e você sobe e desce onde quiser, o início e o fim ficarão por sua conta.

Destaque do ônibus hop-on hop-off no Rio de Janeiro

Confesso a você que já experimentei o sistema de hop-on hop-off em várias cidades da Europa.

Percorrendo Madri com minhas eternas companheiras de viagem: Thaís e Bia.

Em Istambul, por exemplo, o ônibus me poupou de motoristas de táxi sempre dispostos a esticar uma corrida…

Contudo, em poucas cidades que já visitei vi a abordagem proposta pela Rio Line, que decidiu ter um guia de carne e osso durante todo trajeto.

Ao invés daqueles famigerados fones de ouvido (de péssima qualidade) com suas monótonas mensagens gravadas sobre os pontos turísticos ao longo do caminho.

É inegável que a interação com um guia que mora na cidade faz com que o trajeto fique muito mais interessante. Mesmo àqueles que já conhecem bem a cidade, como é o meu caso.

Os guias de turismo sempre têm um segredinho a mais pra contar. De modo que a parte cultural do passeio fica muito mais abrangente. Além disso, eles estão preparados para apresentar os pontos turísticos da cidade, também, em Inglês e Espanhol. Isso faz com que o tour fique muito mais atrativo para os turistas estrangeiros.

Informações práticas

Percurso

A título de organizar o itinerário e propiciar ao turista uma sequência lógica e de acordo com a distribuição dos bairros, a empresa planejou os seguintes pontos de hop-on hop-off:

1 – Praia do Leblon

2 – Praia de Ipanema

3 – Praia de Copacabana

4 – Praia do Leme

5 – Pão de Açúcar

6 – Marina da Glória

7 – Catedral Metropolitana

8 – AquaRio

9 – Cidade do Samba

10 – Rio Zoo

11 – Maracanã

12 – Sambódromo

13 – Trem do Corcovado

14 – Lagoa Rodrigo de Freitas

Horário de operação

Os ônibus da empresa têm saídas todos os dias, sempre de 9:00 às 17:00. Entretanto, é bom atentar para o horário de embarque no período da tarde, já que o Maracanã, por exemplo, só está incluído nas rotas que saem até às 14:00 do ponto inicial, devido ao horário de funcionamento do estádio.

Preços

Opção light – uma volta pela cidade (R$ 75,00)

Você pode optar por, simplesmente, embarcar no ônibus e não descer em nenhuma das atrações. Neste caso, você poderá fazer o percurso completo, mas sem a possibilidade de retornar ao ônibus. É apenas uma viagem de “reconhecimento”.

Tarifa para 24 horas (R$ 95,00)

Você pode usar o ônibus sem limites de acesso pelo período de 24 horas, a contar do horário de seu primeiro acesso ao ônibus. Assim, se você embarcou às 13:00, pode usar o transporte até às 13:00 do dia seguinte.

Tarifa para 48 horas (R$ 115,00)

Você pode usar o ônibus sem limites de acesso pelo período de 48 horas, a contar do horário de seu primeiro acesso ao ônibus.

Descontos e gratuidades

Crianças abaixo de 5 anos têm direito à gratuidade.

Crianças maiores de 5 e menores de 10 anos, pagam meia tarifa.

Maiores de 10 anos, pagam tarifa cheia. Não há descontos para maiores de 60 anos.

Compra de ingressos

Você pode comprar seu ingresso diretamente no ônibus ou na agência da empresa Rio Line.

Dúvidas e contato

A Rio Line tem sede na Av. Atlântica, 2364  – em Copacabana. Para maiores informações sobre o passeio e preços sempre atualizados, convém consultar o site oficial da empresa. Você pode, também, entrar em contato comigo. Terei prazer em lhe ajudar!

Agradecimentos

O Turista FullTime  participou do tour inaugural do ônibus hop-on hop-off no Rio de Janeiro a convite da Rio Line, com a qual já possui um longo relacionamento de parceria e confiança.

Assim, mais uma vez quero agradecer à toda a equipe, que sempre me recebe com atenção e carinho. Meus sinceros agradecimentos ao Alessandro Vieira, que organizou o tour e que foi incansável diante das minhas inúmeras perguntas!

Contudo, é importante ressaltar que, apesar do convite, todas as opiniões e comentários deste post são impressões genuínas de uma viajante experiente, acostumada a visitar diversas metrópoles e que sabe avaliar a qualidade dos serviços prestados.

Assim, ciente do meu compromisso como blogueira e de minha condição de “carioca de alma”, sinto-me totalmente confortável em recomendar o ônibus hop-on hop-off como uma da grandes opções de passeio e de acessibilidade do Rio de Janeiro.

O tour na visão de outros blogueiros

No dia da inauguração, outros blogueiros também tiveram a oportunidade de participar do tour. Confira a seguir, a visão de cada um deles sobre experiência:

O Diário de uma Viajante por Debora Santiago

Fora de Casa por Mariana Antunes e Ruben Viña

A acomodação perfeita para a sua viagem, você encontra aqui:

Compre seus ingressos em Português e sem complicação!

13 thoughts on “Ônibus Hop-on hop-off no Rio de Janeiro”

  1. Oi Regina! Muito boa essa novidade no Rio. Acompanhei vocês no dia da press trip justo para saber tudo do passeio. Já andei muito pelo Rio, mas agora com essa comodidade e segurança, dá pra fazer mais passeios ainda. Ótimo post. Beijos

  2. Oi Regina! Fiz esse passeio e achei bem interessante porque você roda grande parte do Rio de Janeiro rapidamente! E como você pode parar nos pontos, você escolhe quais visitar. Com certeza o Ônibus Hop-on hop-off é um passeio que vale a pena no Rio de Janeiro!

    1. Oi, Mariana! Muito obrigada pela leitura e pelo comentário. Sim, já estava mais do que na hora de termos esse serviço por aqui. Que bom que a Rio Line, finalmente, conseguiu colocar um projeto antigo em prática. Todos ganhamos com isso. Beijão!

    2. Oi, Mariana! Muito obrigada pela leitura e por compartilhar conosco a sua experiência. É realmente muito bom ter essa facilidade de visitar um ponto turístico e poder voltar para um transporte confiável e adequado para o turista. Foi um ganho inestimável à nossa linda cidade, que às vezes carece um pouco de uma infraestrutura mais preparada para receber tantos visitantes. Um grande beijo!

    1. Oi, Alessandra! Sim, eu também gosto de usar esse serviço por aí. E, mesmo morando aqui no Rio, fico encantada toda vez que tenho a chance de percorrer a cidade. Realmente, olhá-la do alto do ônibus faz muita diferença. Ótimo pra tirar boas fotos. Abração!

  3. Oi Regina, foi uma experiência bem bacana poder participar desse tour inaugural do ônibus hop on hop off do Rio. Precisamos mesmo fomentar o turismo daqui! O post tá super completo. Adorei!

    1. Oi, Mariana! Que bom que você gostou. E muito obrigada por compartilhar conosco a sua experiência. Precisamos, mesmo, de muitos projetos voltados ao turismo local. Afinal, o Rio de Janeiro é lindo e merece ser explorado por todos de maneira mais descomplicada. Grande beijo!

  4. Que legal, eu sempre achei que demorou demais pra ter um ônibus hop-on hop-off no Rio de Janeiro! Como foi a questão do trânsito? Tranquilo? Pergunto pq como vc tbm já testei em muitas cidades européias e naquelas maiores onde o trânsito era pesado foi uma experiência meio chata…

    1. Oi, Gabriela! Verdade… essa questão de trânsito é complicada e eu mesma já passei por experiências de demora em algumas cidades da Europa. Por aqui, no dia em que experimentei o serviço, foi bem tranquilo. O ônibus estava passando pelos pontos turísticos no horário previsto. Entretanto, era um sábado comum. Pode ser que em dias de semana, e especialmente no centro da cidade, fique mais difícil cumprir o cronograma.
      Porém, a empresa monitora a localização dos veículos e os passageiros podem entrar em contato para saber a posição atual dos ônibus. Então, tem tudo para dar certo. Grande beijo!

    1. Oi, Iolanda! Que bom! A melhor forma pra isso é curtir a página do Turista FullTime ou assinar a newsletter. Assim, você fica sabendo sempre que eu postar alguma novidade.

      Um beijão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: