7 Comentários

Um Roteiro de 1 dia em Toledo é o suficiente para você conhecer seu centro histórico e suas principais atrações. Além disso, é um ótima opção de passeio bate e volta partindo de Madri .

O que Toledo tem de pequena e pitoresca, tem de importante e influente na Península Ibérica. Sua arquitetura, história e cultura são pautadas nas contribuições dos povos que dominaram a região em diferentes épocas.

Além disso, grande parte de seu patrimônio, tombado pela UNESCO em 1986, é um legado das três religiões que predominaram na região: a católica, a judaica e a muçulmana.

 

Puerta del Sol em Toledo na Espanha

Puerta del Sol com parte da muralha da antiga fortaleza de Toledo.

 

Entretanto, ainda que você chegue à cidade sem qualquer embasamento histórico, com certeza não ficará indiferente a sua suntuosidade.

Isto porque Toledo está localizada no alto de uma colina e é cercada em três lados por uma curva no Rio Tejo. Um espetáculo a ser admirado com calma!

 

Visita à Igreja de San Ildefonso durante o Roteiro de 1 dia em Toledo na Espanha.

Igreja de San Ildefonso

 

Roteiro de 1 dia pelo Centro Histórico de Toledo

 

É bem verdade que roteiros de um dia são o mais comum em Toledo. Afinal, grande parte dos turistas faz um bate e volta a partir de Madri e passa apenas algumas horas na cidade.

Um curto período na cidade é o suficiente para você ter uma ideia de sua imponência, mas não bastará para lhe propiciar uma imersão mais completa.

Toledo é uma típica cidade medieval, com suas ruas estreitas e com calçamento feito de pedras.

 

 

Muitas construções emblemáticas encontram-se espalhadas pelo centro histórico. Inclusive, ainda há alguns portões remanescentes da época em que ela era uma fortaleza.

Há, também, partes de sua imponente e antiga muralha, que continua muito bem preservada.

Se você tiver disponibilidade, há muita coisa a ser vista. Porém, se o seu tempo for curto, há algumas atrações que são imperdíveis. Entre elas:

  • A Puerta de Bisagra
  • A Catedral de Toledo
  • O Alcázar de Toledo
  • A Igreja de San Ildefonso
  • O Arco de La Sangria
  • As Termas Romanas do Século I

 

Puerta de Bisagra em Toledo, com parte da muralha muito bem preservada.

Puerta de Bisagra com parte da muralha muito bem preservada.

 

Agora, independentemente do total de horas do seu roteiro de um dia em Toledo, o importante é que você se deixe envolver pela atmosfera que esta antiga capital espanhola tem a oferecer.

Pode ser difícil de acreditar, mas este pequeno município com cerca de 85 mil habitantes, foi a capital da Espanha até 1561.

Contudo, Felipe II achava que Toledo era pequena demais. Além disso, a mudança da sede do poder para Madri tinha uma estratégia política, já que o monarca queria diminuir o poder da Igreja católica, muito forte em Toledo.

Sorte a nossa, simples turistas ávidos por desvendar lugares lindos, pois temos uma capital contemporânea e cosmopolita e uma antiga para explorar.

 

Explore Toledo a pé

 

Como muitas cidades medievais, Toledo tem um centro histórico compacto e que não combina com carros.

De modo que mesmo que você chegue à cidade de carro, o ideal é estacioná-lo fora do centro e explorar seus becos e ruelas a pé.

Aliás, esta é a melhor forma de visitação na maioria das pequenas cidades europeias. Fazer roteiros a pé não só aumenta a chance de encontrar preciosidades, como também é uma forma sustentável e consciente de realizar turismo.

Muito se tem discutido a necessidade de restringir o uso de carros. Inclusive, a motivação para escrever este post foi justamente a reflexão a respeito do dia 22 de setembro, que é a data que celebra o “Dia Mundial sem Carro”.

Criado em 1997 por ativistas franceses, este dia procura promover a conscientização a respeito de formas alternativas de transporte.

Então, nada melhor do que um roteiro a pé, seja lá onde for. A Olivia Souza Cruz, autora do blog Olivia Garimpando Por Aí, abordou com bastante propriedade este tema tão importante e sempre atual em seu post sobre o Dia Mundial Sem Carro.

 

Walking Tours

 

O termo Walking Tour, bastante difundido no exterior, abrange roteiros a pé, normalmente com duas ou três horas de duração, cujo objetivo é explorar a parte histórica de determinado destino.

É muito comum, também, que eles sejam Free Walking Tours, ou seja, passeios a pé e oferecidos gratuitamente.

Tais atividades, em geral, são conduzidas por guias turísticos credenciados, que trabalham em sistema de “elogio remunerado”.

Assim, ao final do passeio, é de bom tom deixar uma gorjeta, de acordo com o grau de experiência obtido.

Então, apesar de não ser obrigatório, ou não ter valor mínimo para expressar sua satisfação, é simpático remunerar a pessoa que conduziu o tour.

 

Free walking tour durante o do roteiro de 1 dia em Toledo na Espanha.

Nossa guia Olga ao centro da foto, em uma das paradas do Free Walking Tour em Toledo.

 

Pegando carona nos Walking Tours de amigas blogueiras

 

Recentemente, li relatos interessantíssimos de outras blogueiras de viagem que exploraram capitais europeias a pé e que tiveram experiências incríveis.

A Lilian Azevedo, autora do blog Uma Senhora Viagem, por exemplo, forneceu dicas de passeios a pé por Lisboa.

Enquanto a Marina Heimer, autora do blog Imagina na Viagem me fez lembrar com saudade da minha amada Holanda, ao escrever a respeito do tour a pé pelo centro histórico de Amsterdã que ela fez ao visitar a cidade.

Entretanto, você não precisa ir tão longe para fazer um roteiro a pé pelo centro histórico de uma capital.

Aqui no Rio de Janeiro , por exemplo, há empresas especializadas em realizar walking tours. Em outras capitais do Brasil, isto também é muito comum.

Existem, inclusive, alguns roteiros temáticos, que exploram também, outros aspectos culturais de uma determinada região.

É o caso do Circuito de Poesia em Recife, cuja experiência foi narrada pela Adelaide Pereira, autora do blog Turista Imperfeito.

São muitas as alternativas para conhecer destinos turísticos além dos roteiros óbvios. Sempre vale a pena arriscar uma opção diferenciada.

 

Meu Roteiro de 1 dia em Toledo

 

Apesar de eu ter pernoitado em Toledo, a experiência que eu tive na cidade não foi muito diferente da que têm muitos viajantes que fazem um bate e volta partindo de Madri.

Isto devido ao fato de Toledo estar na rota que fiz com quatro amigas pela Andaluzia e cuja programação era passar apenas uma noite em cada cidade do nosso percurso.

Para poder aproveitar ao máximo Toledo, seguimos a dica do recepcionista do nosso hotel e nos unimos ao Free Walking Tour das 16:30, que saía da Plaza Zocodover.

Foi muito fácil identificar a guia Olga, que nos conduziu pelo centro histórico, pois ela portava um guarda-chuva colorido, típico dos guias turísticos. Não precisou marcar nem nada, porque bastava chegar para participar do tour.

 

Plaza Zocodover no Centro Histórico de Toledo local de início do roteiro de 1 dia em Toledo.

Plaza Zocodover no Centro Histórico de Toledo.

 

Curiosidades pelas ruas de Toledo

 

Claro que poderíamos ter feito o roteiro de 1 dia por Toledo por nossa conta e passar por muitas de suas atrações. Entretanto, teríamos perdido as explicações e as curiosidades sobre várias construções históricas.

Por exemplo, foi através da guia que ficamos sabendo que o Arco de La Sangria servia como porta de entrada que unia o Alcázar (denominação de castelo ou fortaleza) ao restante da cidade.

Foi também com ela que aprendemos que bolas de diferentes tamanhos, espalhadas pelas fachadas das propriedades, eram no passado objeto de ostentação. Quanto maior o tamanho e a quantidade, mais ricos eram os seus donos.

 

 

Certamente, também teríamos passado batido pela menor janela do mundo, caso não estivéssemos em um tour guiado!

 

 

Ou talvez não tivéssemos achado o Círculo de Arte, uma igreja antiga e multifuncional, que durante o dia funciona como uma cafeteria, mas que à noite vira uma discoteca cuja agitação vai até o nascer do sol!

Passamos, ainda, pelos pontos principais da cidade, como as Termas Romanas do Século I, cuja descoberta foi feita quando um morador resolveu fazer uma garagem em sua residência. Contudo, nunca saberíamos deste fato tendo as visitado sem um acompanhamento.

 

Visita às Termas Romanas durante o do roteiro de 1 dia em Toledo.

 

E, finalmente, a bela Catedral de Toledo teria nos deixado maravilhadas, mas que nunca desconfiaríamos do fato de ela possuir o terceiro maior sino do mundo e que não pode ser tocado por estar quebrado.

 

Catedral de Toledo na Espanha.

 

É ouvindo esses relatos apaixonantes que, realmente nos damos conta de que um roteiro guiado faz toda a diferença na imersão cultural de um destino.

De modo que posso dizer, sem sombra de dúvida, que nosso roteiro de 1 dia em Toledo não teria sido tão especial, não fosse a companhia de uma guia local, cuja paixão pela História da cidade fez toda a diferença na nossa perspectiva de visitantes.

 

Pitacos dos Leitores

 

E você, também curte passeios a pé quando explora um novo destino? Já participou de Free Walking Tours pelo Brasil ou pelo mundo?  Deixe um comentário contando pra gente suas experiências e deixando suas sugestões!

 

A acomodação perfeita para a sua viagem, você encontra aqui:

7 thoughts on “Roteiro de 1 dia em Toledo: a pé pelo Centro Histórico”

  1. Eu não fui a Toledo e fiquei morrendo de vontade depois de ler seu post, ainda mais nesse roteiro de uma dia pelo centro histórico. Eu amo adoro fazer roteiro a pé e com certeza esse já está anotado.
    bjs

  2. Cidadezinha linda que tive o prazer de conhecer uns anos atrás. Foi um bate-volta rápido mas gostei muito.
    Pena que não fiz meu itinerário com guia, concordo que faz muita diferença.
    Obrigada por compartilhar!

  3. Amei visitar Toledo junto com você, Regina! E concordo totalmente que ter a companhia de um guia faz uma diferença danada, principalmente nessas cidades tão antigas e cheias de história. A gente termina o dia com a sensação de ter passado por uma aula (muito mais divertida do que aquelas do tempo de escola, diga-se de passagem). Ah, e já estou pensando em colocar algumas bolas aqui na porta de casa… vai que chama a riqueza. Hehehe!

    1. Oi, Marina! Bem-vinda! Muito obrigada pela leitura e por compartilhar conosco a sua opinião. Adorei a sua ideia… acho que vou fazer o mesmo: encher a fachada da minha casa de bolas…🤣🤣🤣 ! Mal não vai fazer!😁 Beijão!😘

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *