14 Comentários

O outono na Holanda é um dos períodos mais lindos do ano. E existem vantagens enormes em visitar a Terra dos Tamancos nesta estação! Contudo, quem não está acostumado às baixas temperaturas, pode estranhar. Veja aqui as dicas do que fazer e como se preparar para uma viagem nesta época do ano.

As quatro estações na Holanda

Uma característica marcante do continente europeu, de uma maneira geral, é a mudança das estações. Particularmente, na Holanda, nem é preciso olhar o calendário para saber que um novo período da natureza está se iniciando.

As cores e os cheiros de uma nova estação tomam conta do pedaço. Eu digo as cores, porque as folhas das árvores vão mudando de tonalidade e caindo; ou novas flores vão brotando, por exemplo.

Eu cito os cheiros, pois cada época tem seus aromas peculiares. É o cheiro das sopas ou da lenha queimando, no inverno, que se espalha por toda a vizinhança.

Em contraste com os múltiplos churrascos que rolam pelos quintais dos vizinhos, no verão.

Cada estação tem seu charme. Entretanto, para quem está visitando o país pela primeira vez, ou acabou de se mudar, perceber essas diferenças e se adaptar ao novo clima pode ser um desafio e tanto.

A Holanda no outono

Resolvi escrever sobre a Holanda no outono por dois motivos. O primeiro, porque é a estação que está batendo à porta em breve.

Segundo, porque mudei-me para a Holanda em pleno primeiro de outubro, bem no começo da estação. E lembro que passei muitos perrengues iniciais por conta de não estar acostumada com uma estação “marcada”.

Assen: meu primeiro outono na Holanda (2008).

Imagine, tendo nascido em Santos e vivido muitos anos no Rio de Janeiro, grande parte da minha experiência com outono e inverno até então eram as chuvas… e temperaturas por volta de 18 graus, que cariocas e santistas concordam ser “um frio de rachar”!

Pois bem, mal sabia eu que isso poderia ser a temperatura do verão holandês… mas isto é assunto para outro post aqui do blog!

Verão na Holanda: tem quem use calça e casaco!

Pois bem: pelo calendário astronômico, no dia 23 de setembro inicia-se, oficialmente, o outono no hemisfério norte.

Contudo, na prática, a partir do dia primeiro de setembro, os sinais da nova estação já começarão a pipocar pelo território holandês, segundo as previsões meteorológicas oficiais.

Daí que se você está pretendendo chegar à Holanda por esta época, é bom se preparar, para o clima e para tudo o que há de bom para curtir neste período do ano.

Holanda no outono: com que roupa eu vou?

Alguns dias de outono costumam ser cinzentos e, muitas vezes, chuvosos. Não raro, a chuva fica abundante e as temperaturas despencam.

Solzinho de outono para um look despojado e alegre!

 Agora, dias ensolarados também são comuns nesta época.

O fato é que é melhor se preparar para, pelo menos, três estações no mesmo dia, já que o normal nesta época será um clima incerto.

O dia pode começar lindo e com sol (mas não se engane, estará friozinho).

Daí, no meio do dia, o clima pode virar e chover, secar, chover, secar de novo.

Finalmente, à noite, pode fazer frio de verdade (algo, inclusive, perto do zero).

Pode acontecer de você experimentar um outono, um inverno e uma primavera. Tudo numa mesma viagem no mesmo dia.

O ideal, então, é ter sempre um casaco impermeável ou capa de chuva na mala. Assim como botas ou galochas. Um gorro, cachecol e luvas também podem ser indispensáveis. Principalmente, se você vem de um lugar quente.

Um guarda-chuva é até mais do que um item necessário. É quase que um amuleto!

Dizem que se você leva um na mala, não vai precisar. Mas que, se esquecer, fatalmente terá que comprar um. Já experimentei essa mandinga algumas vezes… só falha de vez em quando! Hehehe…

Holanda no outono: vantagens de visitar nesta estação

Veja, cada estação do ano merece ser curtida de uma maneira diferente. Cada uma tem um potencial a ser explorado.

Eu, particularmente, prefiro o outono e a primavera, ao verão e ao inverno. Isto porque são períodos de transição, em que os extremos para o mais frio ou para o mais quente, não incomodam. É muito mais confortável para quem vai ficar ao livre, por exemplo.

Durante o outono, os dias ainda não são tão curtos, se comparados aos do inverno. De modo que dá pra aproveitar bem o dia e conhecer várias atrações ao ar livre numa tacada só.

Além disso, por conta das temperaturas mais amenas, e até relativamente baixas à noite, perambular por horas a fio pelas cidades acaba sendo muito mais confortável do que no auge do verão, por exemplo.

Hospedagens mais baratas

Os meses de primavera e verão são concorridíssimos na Europa. Depois de meses de friaca, todo mundo quer aproveitar para viajar.

Consequentemente, as cidades mais turísticas já começam a receber um número grande de visitantes a partir de abril e a situação se mantém estável ou com picos de ocupação até meados de agosto.

As duas últimas semanas de agosto, inclusive, costumam ter tarifas aéreas altas, por conta do final das férias escolares na Europa.

Na Holanda, não há feriados no meses de setembro, outubro e novembro, por exemplo. Isso resulta num período de baixa temporada. Naturalmente, a taxa de ocupação dos hotéis diminui e os preços tendem a ficar mais baixos.

Contudo, é importante ressaltar que todos os anos, no mês de outubro, ocorre a herfstvakantie. Este é um feriado escolar de uma semana e os períodos variam a cada ano, de região para região. De modo que o mês de outubro acaba sendo meio incerto para turistas estrangeiros.

O ideal é consultar o calendário oficial escolar para saber quando a procura por hotéis será maior.

Pontos turísticos menos lotados

Com o início do ano letivo no continente europeu (final de agosto ou início de setembro), as atrações mais populares acabam voltando ao seu fluxo de turistas normal.

Claro que muitas atrações serão badaladas e muito procuradas sempre. É o caso dos museus mais famosos de Amsterdã, como o Rijksmuseum, o Van Gogh ou a Casa de Anne Frank, por exemplo.

Para estes sempre é bom comprar ingressos com antecedência. Entretanto, é muito mais fácil conseguir ingressos no outono do que nos meses de verão.

Oportunidade de experimentar os sabores da estação

Como qualquer lugar do mundo, a Holanda também tem seus sabores sazonais. Assim, algumas delícias começam a pintar de novo nas prateleiras dos mercados, nas feiras, bares e restaurantes nesta época.

Cervejas Bock

A Bockbier é, certamente, a cerveja da estação. Com um sabor intenso, um pouco amargo e uma coloração que vai do âmbar ao marrom escuro, é a cerveja que combina com o friozinho do outono.

Os rótulos mais famosos são da vizinha Alemanha. Entretanto, eles são facilmente encontrados nos bares holandeses durante os meses de outubro a fevereiro.

Agora, se você quiser experimentar uma autêntica bock holandesa, procure pela cerveja produzida em Tilburg: a La Trappe Bockbier.

Se você quiser prolongar sua experiência pós viagem, aqui no Rio de Janeiro você pode optar pela Devassa Ruiva. Se estiver em Gramado, procure pela GramBier Black Tie Porter.

Stroopwafel

O stroopwafel é uma daquelas guloseimas que podem tentar reproduzir à vontade, mas que a gente só vai ter a experiência única se comer na Holanda.

O maravilhoso “waffle com calda”, em tradução livre, é uma iguaria que surgiu em Gouda no século XVIII e que até hoje faz a alegria de quem tem a chance de provar.

Na verdade, trata-se de um biscoito redondo, composto de duas camadas finas de uma massa com recheio de caramelo.

Descrevendo assim, talvez não lhe dê água na boca… mas, experimente passar por perto de um food truck vendendo essa delícia, pra ver se você não muda de ideia!

O cheirinho dá pra sentir de longe. E comê-lo em pé, sentindo o friozinho no rosto, é tudo de bom! Se puder sentar e acompanhar com uma xícara de chocolate quente, melhor ainda!

Speculaas

Speculaas é um biscoitinho feito de especiarias, que normalmente já começa a ser vendido fresquinho no outono.

Ele pode ser achado o ano todo, mas é nesta época que ele começa a ganhar ares de festas, com formatos diversos.

O speculaas é um biscoito natalino, mas que já começa a ficar mais elaborado no outono. Delicioso acompanhado de uma xícara de chá ou café.

E como miséria pouca é bobagem, tem versão bolo pra você levar e fazer na sua casa… imagina o cheirinho disso, recém saído do forno!

Pepernoten e kruidnoten

Eu, particularmente, amo estes biscoitinhos, apesar de nunca ter conseguido estabelecer a diferença entre eles!

Há quem diga que os kruidnoten são um pouco mais durinhos do que os pepernoten. Honestamente? Comi muitas variedades por outonos e invernos a fio e nunca notei a diferença.

O fato é que os pepernoten são biscoitinhos feitos com canela e outras especiarias. Os kruidnoten também e ainda são encontrados nas versões cobertas de chocolate branco, ao leite e amargo.

Uma coisa os dois têm em comum: é impossível comer um só. Eles são, simplesmente, viciantes! Extremamente populares durante as celebrações de Sinterklaas, eles fazem a alegria da criançada. E de muito marmanjo, também!

Lugares imperdíveis para visitar durante o outono

Castelos

A Holanda tem paisagens espetaculares que ficam ainda mais inesquecíveis no outono. Certa vez, visitei o Castelo de Haar nesta época. Tirei fotos incríveis!

Voltei lá na primavera deste ano, achando que as fotos ficariam ainda mais belas. Engano total! As cores de outono são imbatíveis…

Há outros castelos emblemáticos na Holanda. Inclusive, um pertinho de Amsterdã.

Muiderslot: um castelo a 15km de Amsterdã.

Parques

Alguns parques também adquirem uma áurea mágica, resultado da gradação das folhas das árvores. O Vondelpark, em Amsterdã e o Cligendael em Haia são típicos exemplos deste espetáculo da natureza.

Ruas, alamedas e canais

Um simples passeio pelas ruas de qualquer cidade holandesa ganha ares de festa durante o outono. Tudo por conta das diferentes tonalidades das árvores, em diferentes estágios de troca das folhas.

Como a Holanda é muito arborizada, andar à beira de um canal ou por uma alameda pode virar um passeio. E o que é melhor: totalmente grátis.

A Lange Voorhout, onde está localizado o maravilhoso museu Escher, ganha um colorido todo especial no outono. Impossível passar por lá sem registrar o poder das cores da estação.

Museus

Os museus holandeses são super organizados, variados e interessantes. Além disso, acabam sendo um refúgio perfeito para os períodos frios e chuvosos, característicos do outono.

Ousaria dizer que não há uma só cidade na Holanda desprovida de um museu. Algumas, têm museus conhecidos mundialmente.

É fato que Amsterdã concentra uma gama gigantesca deles, mas Haia e Roterdã, por exemplo, não devem nada nesse quesito.

Mauritshuis, em Haia, fica ainda mais lindo neste cenário de outono!

Outras cidades, como Delft, Leiden, Utrecht, entre muitas outras famosas, também possuem opções fantásticas de museus.

Como se locomover na Holanda durante o outono?

Uso de transporte público

Durante o inverno, não raro, algumas rotas de trens podem sofrer alterações ou atrasos devido ao mau tempo. Entretanto, ônibus e trams (bondes) costumam operar normalmente, salvo em dias de condições climáticas muito críticas, o que não é muito comum na Holanda.

Durante o verão, muitas vezes alguns itinerários ficam muito concorridos, devido ao pessoal sair mais de casa.

No outono, o fluxo de passageiros e as condições climáticas favorecem o funcionamento normal do transporte público em geral.

Dirigir na Holanda

Dirigir na Holanda é fácil, pois o trânsito é muito organizado. Entretanto, estacionar pode ser um desafio nas grandes cidades, devido à escassez de vagas e estacionamentos caros. O melhor é abrir mão do carro para turistar sem preocupação.

Uso de bikes no outono da Holanda

Conhecer a Holanda de bicicleta é uma delícia. Afinal, as bikes são o meio de transporte “oficial” do país. Entretanto, é sempre bom se ligar em dois detalhes.

O primeiro é a obrigatoriedade de luzes dianteira e traseira quando escurece. Mesmo que você seja turista, se estiver guiando sem que elas estejam acesas, e um policial lhe parar, é multa na certa!

E, acredite, eles vão dar um jeito de lhe cobrar a multa de 55 euros (valores de 2018).

O segundo é que venta-se muito na Holanda. E o que não falta no outono são dias com chuva e vento, tudo junto e misturado. Pedalar pode exigir mais equilíbrio e preparo físico, dependendo das condições climáticas.

E eu nem estou considerando as acrobacias de guiar, segurando guarda-chuva e carregando criança e compras na garupa.

Melhor deixar pra holandesada, que é tudo profissa nessa área…

Desfrutar da Holanda a pé

Como o outono é uma estação de temperaturas amenas e a Holanda é toda plana, caminhar pode ser uma excelente opções para desfrutar dos cenários urbanos.

Normalmente, as atrações turísticas das cidades encontram-se a distâncias pequenas umas das outras. E caso não estejam próximas, há sempre uma vasta oferta de transporte público.

A Holanda é bela o ano todo

E se você ficou com vontade de conhecer a Holanda no outono, saiba que em qualquer época do ano, a Holanda será linda!

A escolha da melhor época para visitar vai depender, exclusivamente, do seu gosto pessoal. É bem verdade que a primavera tem um atrativo a mais, com a abertura dos jardins floridos do Keukenhof.

Keukenhof – 2017

Contudo, o verão também é delicioso para conhecer tipos diferentes de praias e ilhas.

E o inverno, apesar de gelado, pode apresentar dias claros e ensolarados.

Groningen no inverno mais gelado que já passei na Holanda (2012).

Blogagem Coletiva

Este post faz parte de uma blogagem coletiva intitulada #viajandonas4estacoes.

Nesta ação, vários blogueiros se reuniram para repartir suas experiências de viagem em uma determinada estação do ano, em alguns destinos espalhados pelo mundo. Aproveite e conheça, também, a visão e o trabalho dos blogs participantes:  

Destinos Por Onde Andei…Inverno no Chile: um dia em Embalse el Yeso

Atravessar FronteirasBrasília nas 4 estações

Mulher Casada ViajaOutono na Alemanha e Vizinhos para Curtir o Melhor da Estação

Viaje na WebViajando para Nova York no outono

Tripping UnicornMontreal no Inverno

Let’s Fly AwayViagem pela sakura no Japão

Cantinho de NáInverno e verão nos Estados Unidos: o que esperar

A acomodação perfeita para a sua viagem, você encontra aqui:

Compre seus ingressos em Português e sem complicação!

14 thoughts on “Holanda no outono: dicas para a sua viagem”

  1. Oi, Regina, ótimas dicas, vai ajudar muita gente a se planejar melhor. Também prefiro viajar na primavera ou no outono, mas como peguei 3 dias de chuva em Amsterdam, se um dia voltar será no verão, pra ter garantia de sol! #traumadechuva

    1. Oi, Marcia! Muito obrigada pela leitura e pelo comentário. Vou te dizer que a Holanda tem dessas coisas… volta e meia cai uma chuva. Mas vale a pena voltar, sim. Principalmente no verão. A Holanda fica uma delícia nessa estação. Beijo!

    1. Oi, Cynara! Muito obrigada pela leitura e pelo comentário. A Holanda é linda mesmo e vocês puderam conhecê-la numa estação bem agradável. Que bom que vocês gostaram. Beijo!

  2. Adorei o post! Com certeza o Outono é a estação mais bonita na Europa, e também achei super no ponto tua dica de levar roupas “para todas as estações”. E os speculaas sem comentários… saudade disso 😋

  3. Que saudades que me deu da Holanda lendo seu post, e também dos Stroopwafels, que são maravilhosos e ainda compramos vez ou outra aqui no Brasil, de tão bom que achamos.
    Estive na Holanda só no verão, imagino poder vivenciar todas as estações neste país incrível, você é uma pessoa de muita sorte, rsrs.
    Amei o post, conseguiu transmitir toda a maravilha do outono na Holanda e demais estações. Beijos.

    1. Querida Gisele, muito obrigada pela leitura e pelo carinho. Eu me sinto, realmente, abençoada de ter passado tantos anos felizes por lá. A Holanda estará para sempre no meu coração e nas minhas melhores lembranças!
      Grande beijo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: