Van Gogh: uma experiência sensorial em Roma

Sem Comentários
Eu sou fã de Gogh Van, apesar de não ser uma profunda conhecedora das Artes em geral. Costumo dizer que gosto do belo, mesmo que não saiba como defini-lo ou caracterizá-lo. Quando penso neste artista, tenho um fascínio por sua vida e por sua obra, porque acho que suas pinturas representam seu estado de espírito, suas inquietudes e sua visão muito particular do mundo, da natureza e das pessoas.

Categorias: Itália

Tags:

Budapeste: o que fazer em 2 dias?

Budapeste já fazia parte da minha wish list (lista de desejos) há muito tempo. Acho que até mesmo antes de visitar a capital austríaca, em 2009. Eu já comentei aqui sobre o famoso triângulo que inclui visitar numa tacada só Viena, Budapeste e Praga. Beleza: cumpri  o objetivo… em doses homeopáticas. Posso dizer, agora, que todas são encantadoras. Cada uma com sua identidade e charme peculiares.

Leia mais

Categorias: Hungria

Tags:

Milão a dois…

Sem Comentários
Milão foi o destino escolhido para a comemoração do meu aniversário. Viagem a dois para um destino romântico: a Itália, sempre deliciosa e surpreendente. Não era possível fazer uma viagem longa. Tínhamos só um final de semana prolongado. Então, precisei fazer um roteiro bem enxuto, mas ainda assim, abrangente. E só posso dizer que foi muito bom!

Leia mais

Categorias: Itália

Tags:

Você moraria em um cubo?

Sem Comentários
Quando você pensa em casa na Holanda, o que vem à sua mente? As lindas casinhas estreitas de três andares que povoam os canais de Amsterdã? As casas-barco que compõem o restante do cenário? Talvez um moinho desativado ou mesmo em funcionamento? Uma casa cercada por um lindo gramado? São muitas as possibilidades… Agora, confesse: você imaginaria uma casa em formato de cubo e posicionada sobre uma base hexagonal? E que ela não seria a única, mas que faria parte de uma vila bem no meio do centro frenético de Roterdã? 

Leia mais

Categorias: Holanda

Tags:

Gevangenpoort: um portão com muitas histórias

Sem Comentários
Uma perambulada pelo centro de Haia, é como uma viagem no tempo. Às vezes, você nem imagina, meio deslumbrado, meio desatento, que está passando por  lugares de uma importância histórica surpreendente.  Há um deles, bem na frente do Parlamento holandês que mais parece um pórtico. Ele pode até passar despercebido, pois a imponência de seu vizinho atrai todos os olhares, porém… essa pequena passagem coberta, tem muita história interessante para contar…

Categorias: Holanda

Tags:

< ?php include_once("analyticstracking.php") ?>