15 Comentários

Muita gente pode pensar que Londres não é muito “kids friendly”: que é difícil criar um roteiro mais direcionado para quem viaja com crianças e que a movimentação intensa da cidade pode ser complicada para quem vai com os pequenos. Discordo. Penso que tudo depende do tipo de programa que a pessoa vai fazer com a gurizada. Sim, esta capital pode ser bem divertida também para a galerinha miúda!

Para montar um roteiro bacana para toda a família, procurei selecionar programas destinados ao público infantil e também adequar alguns pontos que seriam mais destinados aos adultos.

E aquela galera “in between”? Ou seja, nossos queridos adolescentes? Também dá pra conciliar… já estive em Londres em duas ocasiões com integrantes dessa faxia etária peculiar… bem, às vezes é um grande desafio fazê-los ficar de bom humor… mas isso não depende tanto do lugar, não é mesmo?

Então vamos, lá… dos pequeninos aos veteranos… Londres tem de tudo pra todo mundo! Saca só a lista dos Top Ten que eu separei pra gente se divertir!

Top 1 – Warner Bros Studios Tour

(Estúdio onde foram feitas as filmagens de Harry Potter)

Tenho um Post INTEIRINHO e COMPLETÍSSIMO sobre o lugar, mas nunca é demais lembrar que esse passeio, para mim, está no topo TOP da lista… Com certeza, vai alegrar a todos… desde que conheçam os filmes, é claro!

Harry Potter StudiosUm complemento bem legal, é dar uma passadinha na King’s Cross Station para tirar uma foto no local destinado à Plataforma 9¾ criada justamente para isso e depois conferir a lojinha com os artigos relacionados. Importante saber que nem tudo que há na loja da estação é encontrado na loja dos estúdios e vice-versa…

Estação King's Cross em Londres

Top 2 – Sea Life London Aquarium (O Aquário de Londres)

Bem ao lado da famosa roda-gigante conhecida como London Eye, às margens do Tâmisa, tendo Big Ben como vizinho e com McDonald’s e Subway a poucos metros. Não tem como não agradar à criançada! Garantia de lazer para toda a família, aliás… com um extra: tendo os vista os deslocamentos que uma cidade grande exige, estar perto de várias atrações é bem lucrativo em termos de tempo e dinheiro…

Pois bem, o aquário conta com mais de 500 espécies marítimas de todo o mundo, incluindo mais de 40 tubarões de 12 espécies diferentes. São 3 andares de descobertas e os pequenos com certeza vão adorar estar presentes na ocasião em que alguns animais, como polvos, raias e pinguins são alimentados. Toda a informação a respeito de horários em que esses eventos especiais acontecem, está no site oficial.

Dicas Práticas:

É bom checar antes de criar expectativa nos pimpolhos, quais são as atividades do dia, pois nem todas acontecem diariamente ou em vários momentos. Se você quiser ver algo bem específico, precisa estar no local e hora exatos.

Quase nada em Londres é barato e o aquário não foge à regra; mas se você comprar os ingressos online, consegue 10% de desconto e existem algumas opções de pacotes combinados.

Fica aberto todos os dias de 10:00 às 19:00 (mas só pode entrar até às 18:00) com exceção do dia de Natal (25 de dezembro).

Top 3 – Science Museum (Museu de Ciências)

O nome dispensa apresentações… mas o que esperar da visita, além do óbvio? Primeiramente, ele foi fundado em 1857 e é uma das maiores atrações londrinas, contabilizando uma média anual de 2.7 milhões de visitantes. Isso por si só, diz muita coisa. Além disso, a biblioteca do museu é uma das maiores do mundo em termos de História da Ciência e da Tecnologia.

Museu de Ciências em Londres

Foto antiga e com pouca qualidade, mas dá pra ter uma ideia do museu, né…

Para turistas e público em geral, o que mais interessa é a experiência de algumas horas passadas por lá. Também nesse quesito, ninguém ficará desapontado. O site oficial do museu oferece vários aplicativos que podem ser baixados antes mesmo de sair de casa. Há opção para os pequeninos (Splash!) e também para os marmanjos. São 8 opções no total e, de quebra, já dão uma ideia do que esperar da visita.

Quanto às exposições permanentes, o visitante pode esperar uma coleção incrível de objetos relacionados às mais diversas áreas do que a humanidade descobriu e inventou até hoje, seja na Medicina, nas diversas Ciências ou mesmo na Engenharia. Enfim, não há como relatar minuciosamente. Só mesmo indo até lá para conferir. Lembro que meu marido, que é engenheiro de formação, ficou muito empolgado quando lá estivemos!…

Dicas Práticas:

Na terra da Libra Esterlina Parte I… Oba! Uma opção BACANA + GRA-TUI-TA… Beleza! Não querendo estragar a surpresa, mas o British Museum (Maravilhoso!) também é GRÁ-TIS! É bom deixar claro, entretanto, que algumas atrações, como o IMAX 3D Theatre e alguns simuladores, não são gratuitas.

Para crianças de 3 a 6 anos, há uma área exclusiva no subsolo cheia de atividades interativas. E para crianças de 5 a 8 anos, há no térreo uma área chamada Pattern Pod com muitas possibilidades de descobertas e brincadeiras.

O museu fica aberto diariamente de 10:00 às 18:00. Chegar lá também é fácil: a estação mais próxima é a South Kensington (uma das paradas da District, Piccadilly ou Circle lines) e fica a 5 minutos de caminhada de distância. Aliás, existe uma conexão subterrânea entre a estação e a entrada, perfeita para os idas frios e chuvosos! Também dá para ir de ônibus e são muitas as linhas disponíveis.

Top 4 – Natural History Museum (Museu de História Natural)

Este museu é tão fantástico e cheio de possibilidades que torna a tarefa de escrever sobre ele concisamente impossível. Eu diria que é um lugar a ser visitado várias vezes e com vários propósitos. Sou, contudo, realista: nem morando na cidade isto é fácil. Então, eu diria que algumas horas passadas lá dentro são necessárias para, pelo menos, ter uma ideia do vasto acervo.

O nome já diz tudo, mas vale lembrar que o local é uma aula interativa da História do mundo, desde a sua criação e passando pelas várias eras, mostrando detalhadamente a evolução das espécies e as transformações do planeta. Se eu pudesse descrevê-lo em duas palavras, elas seriam: encantadoramente elucidativo!

Quando estive lá com meus filhos, eles tinham 13 e 11 anos. Nós vivemos momentos de pura alegria informativa, pois eles já haviam estudado na escola muitas coisas que puderam ver por lá. Para os pequeninos também não seria diferente: qual a criança que não gosta de animais? E que não fica espantada com o tamanho deles na “vida real” ? Os mamíferos e os esqueletos de dinossauros roubam a cena…

Vale a pena dar uma olhadinha no site do museu antes da visita, pois há vários eventos e atividades destinados ao público infanto-juvenil e assim você pode escolher de antemão a mais adequada aos interesses da sua criança. Quando eu fui com meus filhos, muitos anos atrás, não sabia disso. Mesmo assim, meus meninos puderam curtir muita coisa “hands-on”…

Dicas Práticas:

Na terra da Libra Esterlina Parte II… Maravilha! Mais uma opção IMPERDÍVEL + GRA-TUI-TA… Estou gostando disso!!!

Chegar lá também é muito fácil: a estação mais próxima é a South Kensington (uma das paradas da District, Piccadilly ou Circle lines). Exatamente a mesma estação em que você chega para ir ao Science Museum. Ao sair da estação, você só precisa andar cerca de 350 metros. Não tem como errar.

Aberto todos os dias de 10:00 às 17:50, sendo que só pode entrar até às 17:30. Toda última sexta-feira do mês fica aberto até às 22:30 (menos em Dezembro). Fechado somente entre 24 e 26 de dezembro.

O museu pode ficar bem lotado nos dias de semana por conta das excursões escolares e também nos feriados escolares, já que a criançada está livre, leve e solta… então, prepare o espírito: pode haver fila para entrar e também para visitar algumas galerias.

Top 5 – London Eye

Depois de uma visita ao aquário, a London Eye pode ser uma boa opção para descansar um pouco. Afinal, você ficará confinado(a) – no bom sentido, claro! – em uma de suas 32 cápsulas por 30 minutos, só com o compromisso de desfrutar a vista da cidade BEEEMMM do alto, já que esta é a maior roda-gigante do mundo!

London Eye Dicas Práticas:

Para quem vai com bebê ou criança bem pequena, é importante alertar que carrinhos não dobráveis não são permitidos nas cápsulas. Porém, há uma área reservada no local onde os ingressos vendidos para que você possa deixá-lo durante a visita.

Uma dica legal é combinar a London Eye com outras atrações (exemplos: River Cruise, Madame Tussauds, London Dungeon ou Sea Life) e ganhar um desconto que pode chegar a uma economia de 40% do valor total que seria gasto comprando os tickets separados… again and again: planejamento e pesquisa valem a pena!

Top 6 – The London Dungeon

Como eu disse anteriormente, nada como conciliar passeios e locais que estejam próximos: a London Dungeon é do lado do Sea Life e na frente da London Eye. Mesmo que você não tenha paciência ou tempo para fazer tudo no mesmo dia, pelo menos já sabe onde ficam e pode voltar sem problemas…

E por falar em problemas… Para os pequenos, pode não ser uma boa ideia, já que a intenção do evento é abordar temas macabros e alguns personagens ingleses bem conhecidos por seus métodos, vamos dizer, sanguinolentos… mas pode ser bem divertido para a turma teen. Ainda mais para quem assistiu ao Sweeney Todd com Johnny Depp (2007) ou lembra da história de Jack, the Ripper (Jack, o Estripador).

Dicas Práticas:

Importante ressaltar que a experiência dura 1h30min e que menores de 14 anos podem entrar, desde que acompanhados de um adulto. Os preços online são muito mais atrativos do que comprando na hora e no local (uma economia que chega a 30% do valor total).

Aberto todos os dias, com exceção de 25 de dezembro.

Top 7 – London Musicals

Musicais para o público infantil

Eu também já fiz um post totalmente dedicado aos musicais londrinos, mas vale relembrar que são uma ótima pedida para os pimpolhos. Há vários sites disponíveis para consultas do que há em cartaz. Sugiro “The Lion King” (que assiti desta última vez) ou “Charlie and The Chocolate Factory”, que agradarão tanto os filhotes, quanto os nostálgicos pais…

Thriller, o musical em LondresDica Prática:

Pesquise, pois os preços e horários variam consideravelmente. E, se possível, compre seus ingressos com antecedência.

Top 8 – Lojas Temáticas Destinadas ao Público Infantil

Comprinhas não podem faltam em uma viagem, não é mesmo? Nem que seja um chaveirinho ou um imã de geladeira… ninguém volta sem um souvenir. Os miúdos também gostam de ganhar um presente durante a viagem. Quer coisa melhor do que entrar num daqueles paraísos infantis onde é quase proibido não tocar?

Disney Store

Com dois endereços facílimos de ser encontrados por turistas. Um na Oxford Street e outro no Covent Garden market. Nenhuma criança vai reclamar de entrar lá. Talvez os pais reclamem um pouco na hora de sair…

M&M World

Mais uma vez, tenho um outro post dedicado a esta atração, mas aqui vai um resuminho: a loja tem mais de 3.200 metros quadrados e é cheia de produtos coloridos que vão desde embalagens plásticas de vários tamanhos e formatos com as famosas pastilhas até roupas e brinquedos. Além disso, oferece muitas possibilidades para tirar fotos bem divertidas. Para mim, contudo, o grande barato da loja são os gigantescos tubos que vão quase até o teto completamente abarrotados de M&Ms de todas as cores… um cenário para todos os sentidos… e que cheiro gostoso o lugar tem!

M&M Store em LondresQuer ler a versão completa do post sobre a loja? Dá uma corridinha na outra página e depois volta aqui com mais calma, pois as dicas ainda não acabaram…

Davenports Magic

(Loja especializada em artigos para mágicos)

Bom, esta loja talvez passe despercebida a muita gente… porém, para um grupo seleto, tenho certeza de que é destino traçado e talvez até motivo para uma ida a Londres. Explico: nesta última viagem, fui acompanhada de três adolescentes (filhos das minhas amigas).

Todos gostavam de mágica, mas um deles já foi pra lá com o “dever de casa feito” e não sossegou enquanto não achou a tal loja, que segundo ele é a mais antiga do Reino Unido e, segundo o proprietário, muito procurada até por mágicos profissionais, afinal lá pode-se encontrar mágicas e materiais para todos os níveis.

Eu também fiz “meu dever de casa” e descobri que não só a loja foi fundada em 1898, como o negócio continua em família, passando de geração a geração e é a mais antiga do mundo… Legal, né?!

Aliás, mais legal ainda e por falar em passar despercebida… passa mesmo. A loja já teve vários endereços, mas hoje em dia fica nas imediações da Trafalgar Square, Charing Cross, Leicester Square… lugares bem turísticos e no centrão de Londres… porém, no subsolo. Mais especificamente: na Charing Cross Underground Arcade. Olha que máximo!… Este fato com certeza dá uma áurea de mistério e segredo, que é o que tem fascinado o público desde que a primeira mágica foi feita!

Outra coisa que achei muito maneira mesmo: a loja oferece cursos de mágica para iniciantes (adultos) e workshop para crianças de 7 a 13 anos. O site da loja é bem completo e você pode encontrar maiores informações por lá.

Quanto aos meus amigos aspirantes a mágicos, saíram de lá empolgadíssimos, pois o atendente da loja foi muito solícito e atencioso.

Informações Práticas:

Endereços da Disney Store:

  • The Piazza, Unit 10 Covent Garden Market, London
  • 350-352 Oxford Street, London
  • Endereço da M&M World: 1 Swiss Court, Leicester Square, London
  • Se você tiver comprado o London Pass, terá direito a 15% de desconto em qualquer item da loja.

Top 9 – Cerimônia de Troca da Guarda Real

Para os londrinos, a cerimônia de troca da guarda da Rainha Elizabeth II pode ser banal e até mesmo brega, um ritual desnecessário no mundo moderno… mas turista é turista e este é um daqueles eventos do tipo “quem não fez, não foi a Londres”.. Afinal, que eu saiba, com todos os adereços, pompa e circunstância, essa troca só tem lá. Eu até vi a troca da guarda em Estocolmo e em Budapeste, mas teve nem de perto o frenesi que vi el solo londrino!

Troca da Guarda Real em LondresDevo confessar que fui ver a troca, ou pelo menos tentar, duas vezes. É difícil conseguir um lugar privilegiado, pois todo mundo quer chegar cedo e pegar o melhor spot possível… ainda assim, vale a pena. O Palácio de Buckingham por si só, é um ícone de beleza e prestígio e mesmo o vendo de longe, através de seus portões de ferro preto e dourado, já é um programa legal.

Além disso, mesmo com a enorme quantidade de pessoas aguardando pelo evento, não há tumulto. Então, mesmo que não seja possível ver a troca com detalhes, dá para apreciar as músicas, normalmente conhecidas, que a Banda Real toca.

Dicas Práticas:

A cerimônia acontece diariamente às 11:30 da manhã entre os meses de maio e julho e em dias alternados no restante do ano. Em tempo: há como checar os dias em que a troca ocorrerá no site oficial royal.gov.uk.

Top 10 – Covent Garden Market

Bem, este não é exatamente um ponto turístico que atraia os pequenos, mas os pais também merecem uma trégua depois de tanto andar pra lá e pra cá tentando agradar os filhotes, não é mesmo? Justo e merecido!

Eu gosto muito deste distrito londrino: é bem eclético e alegre. Digo o porquê: há sim, ótimos restaurantes, pubs e lojas de grife. Mas há, também, barraquinhas que vendem de tudo e artistas de rua capazes de entreter um grupo enorme com suas diferentes performances.

Talvez quem vá com criança muito pequena, não consiga a paz necessária para sentar e sossegadamente tomar um pint de chopp (pint= medida que equivale a 473ml), mas quem vai com adolescentes, por exemplo, pode deixá-los curtindo as apresentações de rua e aproveitar a folga para um refresco…

Covent Garden Market em LondresDentro do Covent Garden Market há várias lojinhas bem interessantes e vários locais para sentar e  comer e beber alguma coisa. Eu entrei na linda Venchi, a sofisticada loja de chocolates finos italianos e tomei um chocolate quente delicioso. Os chocolates pareciam ser divinos, mas não comprei. Eram caros e eu resolvi “fazer dieta”… 🙂

As ruas em torno do market também oferecem muitas oportunidades de compra e lazer. É uma região charmosa e de fácil acessibilidade a pé até a Trafalgar Square. A movimentação por lá é garantida, inclusive até tarde da noite…

Dicas Práticas:

O Covent Garden Market fica aberto de segunda a sexta de 10:00 às 21:00. Aos sábados, de 9:00 às 20:00 e domingos, de 11:30 às 18:00.

Existe sim, uma estação de metrô chamada Covent Garden, mas está fechada até o verão de 2015 por conta de uma reforma. Então as melhores opções para quem vai de metrô são: Leicester Square  (5 minutos de caminhada), Charing Cross (6 minutos de caminhada), Holborn (10 minutos de caminhada), Temple (11 minutos de caminhada) ou Tottenham Court Road (12 minutos de caminhada).

Extras…

E se sobrar tempo e disposição? Tem problema, não… pode acrescentar mais um número na lista. Londres tem muito mais a oferecer!

15 thoughts on “Londres: 10 atrações imperdíveis para crianças”

    1. Fico muito feliz! Neste post que indicou aos seus amigos, tem um passo a passo para uma visita aos estúdios do Harry Porter. Lindo demais para ir com crianças (de todas as idades).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

< ?php include_once("analyticstracking.php") ?>